terça-feira, 17 de janeiro de 2012

E se o candidato do PS for... Mesquita Machado?

É verdade. Parece que o PSD e o PS estão a sofrer fortes pressões para mudar novamente a Lei autárquica, pondo fim à limitação de mandatos. 
Se assim for, a grande questão pela sucessão de Mesquita Machado nas autárquicas 2013, poderá ficar resolvida no Partido Socialista. Mesquita poderia candidatar-se a mais um mandato e disputar novamente a eleição com Ricardo Rio.

Esta possibilidade põe uma vez mais em questão a democracia portuguesa. Um governo faz e promove, o outro vem e desfaz. Uma assembleia da república vem, discute e aprova, outra distribuição partidária vem e decide alterar...
O mais grave é que os lugares giram em torno dos mesmos, até os filhos e sobrinhos dos anteriores políticos têm lugar cativo nas listas de deputados, nos cargos de nomeação política e demais 'tachos' gerados pela administração pública e autárquica.
A nossa democracia vai fazer 38 anos. A continuar assim, não sei bem quanto mais tempo durará...

Sem comentários:

Enviar um comentário