sábado, 3 de março de 2012

Vamos continuar a sorrir!

Os guerreiros do Minho conquistaram mais uma vitória, desta feita contra o Nacional da Madeira, prolongando para 10 o número de triunfos consecutivos. Com este resultado o Sporting de Braga encosta no Benfica e, ainda que não admita, vai continuar a perseguir um sonho...
Apesar de ter entrado no jogo algo apático e sem velocidade, sofrendo um golo aos 12 minutos por Moreno, o Sporting de Braga recupera num lance de futebol eficaz por intermédio de Mossoró - que cruza - e de Lima - que finaliza com classe. Estavamos no minuto 40 e logo depois Lima poderia ter colocado os arsenalistas na frente, com um potente remate, defendido pelo guarda-redes adversário.
A segunda parte é uma história de simplicidade e classe. Com um meio-campo dinâmico e eficaz, que com facilidade recuperava a posse da bola e se lançava na construção de jogo ofensivo, o Sporting de Braga chega à vantagem com auxílio dos mesmos protagonistas: Lima e Mossoró, desta vez com posições trocadas. Lima lança a bola para a pequena área, onde Mossoró, depois de primeira tentativa de Hélder Barbosa, encosta para o segundo golo. Com o Nacional a tentar recuperar, o Braga ganhou espaço e poderia ter ampliado a vantagem.
Quando os guerreiros já descomprimiam e se limitavam ao seu meio-campo, Ukra marca o terceiro golo, numa jogada de contra-ataque, fruto da extrema competência da equipa de Leonardo Jardim.
Os bracarenses vão continuar a sorrir na próxima semana, e a verdade é que a jogar desta forma os sorrisos podem prolongar-se por largo período. Vitória justa, por 3-1, num jogo de elevado grau de dificuldade.
Melhor em campo? Mossoró, sem dúvida!
Faltam 3 jogos para o embate da Luz e, até lá, há que apoiar estes guerreiros do Minho.
É possível continuar a sonhar!

Sem comentários:

Enviar um comentário