quarta-feira, 6 de junho de 2012

Um São João cada vez mais triste...

Foi ontem apresentado o programa das festas de São João, sem grandes novidades ou inovações. Apenas se salienta o rali até à serra da Estrela, numa iniciativa que nem sequer parte da Associação das Festas.
O grande ponto negativo é, uma vez mais, a ausência do habitual espetáculo de fogo de artíficio que, há mais de um século marcava as festas de São João. Isto depois de alguns anos em que o espetáculo tinha que ser pago...
Enfim, o corolário de um processo de constante diminuição das festas de São João, iniciado sensivelmente a partir de 1996, ano em que Vítor Sousa assumiu a liderança do grupo de bracarenses que organizam as festas.
Para memória futura, recordemos o que perdeu o programa do São João na última década e meia:
  • Cortejo do Traje e Cortejo e Festival Folclórico, que serviam para promover a originalidade minhota das festas
  • Concurso de montras: que dinamizava o comércio local
  • Concurso de cascatas: para além da beleza dos conjuntos, era um factor de criatividade para muitas associações
  • Espetáculo duplo de fogo de artifício na noite de São João, sobre o monte Picoto: agora há apenas um...e mau...
  • Animação de ruas em todos os dias das festas: pelas 09h00 e pelas 15h00
  • Foguetes... que costumavam dar o tom festivo à cidade
  • Balão gigante na abertura e balões durante a noite (se a Associação se queixa da falta de quem produza, há muitas empresas que o fazem por todo o país)
  • Feira Franca no campo das Camélias: era uma feira de gado que recordava o São João de outros tempos
  • Festival de Tunas
Se as novidades que temos para destacar são um espetáculo de fados - tradição que nada tem de minhota ou bracarense - e um programa de televisão cujo teor nada tem que ver com a organização das festas, então não podemos augurar um grande futuro ao São João. Enquanto não percebermos que é a aposta naquilo que nos distingue das outras festas, a base da sua própria valorização e divulgação, dificilmente as festas de São João voltarão a assumir o papel de romaria motriz que já adquiriram no passado. E há tanto a valorizar!
Salientar muito positivamente as decorações e iluminações para este ano. Provavelmente as melhores desde a morte de José Veiga.

Entretanto ficamos a saber que no próximo ano haverá um grande investimento em novas barracas, e talvez até se recupere o espetáculo de pirotecnia no encerramento, ou não fosse o próximo São João a ante véspera das autárquicas... Portanto, para o ano temos São João!

9 comentários:

  1. O homem acabou de ganhar as eleições no PS e já lhe estão a malhar???
    Bragamaior, ao serviço de uma "coligãção" de interesses partidários!

    ResponderEliminar
  2. Caro "anónimo",

    Em primeiro lugar esclareço que este blog não serve os interesses de nenhuma coligação, apenas o do amor a Braga. É a minha visão pessoal, que tento sustentar com factos, como é o caso (desafio-o a pegar nos programas da festas e a estabelecer analogias...). Aliás, faço questão que se saiba o meu nome. Não me escondo atrás de comentários anónimos.
    Em segundo lugar, dizer-lhe que caso soubesse a que partido (ainda) estou vinculado, talvez engolisse em seco as suas acusações.
    Em terceiro lugar, cabe-me referir que sou um amante do São João de Braga e tenho-me debruçado por este tema, não por terem sido eleições internas de qualquer partido, mas tenho-o feito com frequência. Basta clicar no arquivo.
    Em quarto lugar, hei-de lutar para que a Braga do futuro seja diferente da actual, independentemente da alternativa. Eu já acordei da anestesia e do populismo e quero ajudar muitos bracarenses a que também o façam. Com base em factos objectivos, obviamente.
    Goste-se ou não se goste...

    ResponderEliminar
  3. Rui,posso por like neste teu esclarecimento?

    ResponderEliminar
  4. Não faz qualquer sentido esbanjar dinheiro num ridículo espectáculo. Por conseguinte, é um ponto muito positivo a ausência dos "foguetes".

    ResponderEliminar
  5. Claro Ricardo!!! Acho que os foguetes são uma parte da festa minhota, por isso deviam manter-se. Há outro tipo de esbanjamentos que deveriam ser evitados, mas percebo perfeitamente o seu argumento.

    ResponderEliminar
  6. "Enfim, o corolário de um processo de constante diminuição das festas de São João, iniciado sensivelmente a partir de 1996, ano em que Vítor Sousa assumiu a liderança do grupo de bracarenses que organizam as festas."
    É preciso mais alguma prova de que já começou o tiro ao alvo?

    ResponderEliminar
  7. Tiro ao alvo ou aditamento de competências?

    ResponderEliminar
  8. Rui,
    Eu acho que é mais aditamento de incompetências!
    Mas em defesa do interesse deste blog e de quem o acompanha diariamente, o melhor mesmo é não entrar por aí.
    Se começa a enumerar as falhas do "eleito" socialista bem tem que mudar o nome do blog para "Braga menorzinha"... E se lhe pega pelo Pires para "Braga infantil".
    Força! Continue a fazer futuro!

    ResponderEliminar
  9. Bem Começo por dizer que isto de S.João ja NÃO TEM NADA e porquê???...Simpelsmente porque o "Dinossauro" que continua a gerir estas festas so se preocupa em alugar espaços para la colocar barracas, barracas essas que prejudicam e muito o comercio local que o diga o dono do Liberdade Street Fashion , que se soubesse o que sabe hoje nunca ca tinha investido.
    Mas o S.João em Braga agora até dá a sensação que é dirigida pela Antena Minho Parece não existirem outros orgãos de comunicação interessados...(Ah...Peço desculpa...Pois a Antena Minho é da Cor da C.M.Braga e neste caso quem não for da cor desses Senhores bem pode tirar o Cavalinho da Chuva pois não mama).
    E Depois segundo consegui ler, vai ser transmitido um programa de tv desde a cidade de Braga , deixa ver será a TVI ou RTP??.....se for uma ou outra so vem para dar PROJECÇÃO a alguns interessados na mesma.
    Será que não existe nenhum canal regional interessado em fazer mais e melhor pelas Festas de S.João, espera lá haver ha....mas não é a mesma coisa , pois esses canais so aparecem na net pois a PT Comunicações não os deixa sair de lá e depois se calhar tambem não são da cor de quem está na Câmara Municipal de Braga.
    Mas pronto ja toda a gente sabe o que aqui se gasta e por isso mesmo vamos vendo a banda passar para não stressar.

    ResponderEliminar