domingo, 5 de agosto de 2012

Verde a menos...

O pulmão de Braga está menos verde
Os bracarenses mais atentos já hão-de ter reparado na desflorestação de uma significativa área verde do monte Espinho, mais conhecido como monte Sameiro. Não sabemos se se trata de um abate de árvores, se tem em vista a reflorestação do local ou se se deve a possível urbanização.
Certo é que do planalto onde se localiza Braga, o Sameiro aparece estranhamente despido e incompleto.

1 comentário:

  1. A madeira também é um negócio, senão de que vale ter monte? As árvores voltam a crescer...

    ResponderEliminar