domingo, 20 de janeiro de 2013

Há clubes que jogam em todos os campos...

Duarte Gomes a expulsar um jogador do Braga em abril de 2012...
O Sporting de Braga recebeu e venceu o Vitória de Setúbal por 4-1. Comecemos pelo final da partida.
Em tempo de compensações, Paulo Vinícius vê o cartão vermelho directo por suposta falta sobre um adversário ainda bem distante da área de Beto. Nada de anormal, se efectivamente tivesse havido falta; se efectivamente o jogador adversário estivesse isolado e próximo da baliza; se efectivamente o nome do próximo adversário não fosse Benfica; se efectivamente este clube não estivesse proibido de perder pontos(e jogar em casa do 3.º classificado nunca é fácil...); ou se efectivamente o Braga não tivesse dois centrais impedidos de jogar por lesão...
Curiosamente foi este senhor do apito que afastou o Braga da luta pelo título no ano passado, expulsando um jogador num lance nada esclarecedor. Curiosamente o jogador também se chamava Vinícius...
António Salvador reagiu, como deve ser: «Em dez anos na presidência nunca saí de um jogo tão indignado como hoje. A arbitragem foi tendenciosa e vergonhosa. Desde o início que o árbitro tentou arranjar forma de expulsar algum jogador nosso»
Em 2009/2010 chorei de revolta pelas estranhas suspensões de Vandinho e Mossoró, anunciadas no dia em que se encerravam as inscrições de inverno... Percebi que os interesses que giram em torno de certas equipas são mais fortes que a justiça e a honestidade. Pensei desistir do futebol. Para quê perder tempo com algo que está inquinado à partida?
O meu sentimento de hoje não é diferente, porém sábado irei estar no Axa a apoiar os guerreiros, contra a batota e o querer ganhar a todo o custo... Pena, é o Peseiro ainda lá estar no banco...
Mesmo havendo clubes a jogar em todos os campos, continuarei a apoiar o emblema da minha cidade.
Força Braga!!!

12 comentários:

  1. Acompanho regularmente o seu blog e artigos no jornal Diário do Minho. Com bracarense já com alguns anos, recordo alguns acontecimentos que não sei se estão devidamente documentados. A Cruz que existia no topo do Monte Picoto, feita de pedra, caiu num ciclone em meados dos anos 70. Mais tarde foi colocada sobre os restos da anterior a actual metálica. Os restos da anterior ainda há uns anos estavam por lá espalhados. Muito obrigado e parabéns pelo seu trabalho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço a rectificação. Efectivamente desconhecia que esta é já uma segunda versão da cruz!

      Eliminar
  2. Parece-me que á alguém a querer jogar no campo de Moreira de Cónegos. Qual é o cartão que estão a pedir? Um amarelo ao Matic? Um vermelho ao Maxi?

    ResponderEliminar
  3. Em resposta a este post, cito apenas a resposta de R.A.P. a António Salvador que é roubado contra o Porto e nada diz, numa estranha conivência...:

    "Calabote?

    «Trata-se de uma investigação sobre Inocêncio Calabote, o árbitro que foi recebido pelo presidente do Benfica em sua casa na véspera de um jogo. Não, desculpem. Enganei-me. É o árbitro a quem o Benfica pagou uma viagem ao Brasil, assim é que é. Peço desculpa, voltei a equivocar-me. O livro é sobre um árbitro que terá recebido quinhentinhos de um vice-presidente do Benfica. Perdão, ainda não é isto. É um árbitro ao qual o presidente do Benfica mandou oferecer fruta para dormir, conforme comprovado por uma escuta. Apre! Não acerto. Bom, parece que se trata de um árbitro ao qual o Benfica não ofereceu nada e que, em troca, terá beneficiado o clube a ponto de fazer com que o Porto ganhasse o campeonato. Enfim, um daqueles escândalos que nem 50 anos de silêncio conseguem apagar. Mas, reconheça-se, um escândalo que se mantém actual: um árbitro que acabou castigado pela justiça desportiva num ano em que o campeonato foi ganho pelo Porto. Realmente, soa-me a familiar.»

    Ricardo Araújo Pereira"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem falou no Porto? Essa obsessão dos benfiquistas de transformar um adepto do Braga em portista é incompreensível. Quanto ao silêncio de Salvador no final da partida com o Porto, também aqui o criticamos.
      O assunto que aqui se discute é outro. Entendo que custe perceber que o vosso clube utiliza os mesmos meios do vosso maior rival. Haja benfiquistas que critiquem esta forma de querer ganhar, à imagem do que sucedeu em 2009/2010. Ponham-se no lugar de um bracarense e entendam a revolta perante tamanha evidência! Calabote, Lucílio Baptista ou Ricardo Costa são nomes que não devem ser esquecidos...por muito que tentem que não.

      Eliminar
  4. http://bragamaior.blogspot.pt/2012/11/o-penalti-o-desastre-e-o-vilao.html

    ResponderEliminar
  5. Proença hoje em Setúbal teve mais uma exibição a demonstrar toda a sua qualidade, para os jogos complicados basta nomear o Proença.

    ResponderEliminar
  6. Em relação ao Salvador, falou em defesa do Braga em Alvalade e agora neste caso.
    Contudo, pelo meio o Alex Sandro fez de guarda redes e o Hugo Viana ia ficando sem os calções e nada se ouviu.

    Quando aqui se fala de subserviencia ao Porto.
    http://bragamaior.blogspot.pt/2013/01/subserviencia-ao-porto-nao-obrigado.html
    Esta é mais uma delas, mas no futebol tem mesmo que ser assim, caso contrário o Braga corre o risco de lhe acontecer o que aconteceu a outros clubes que afrontaram o FC Porto.

    Por tudo isto, o Salvador já merecia mais uma viagem com a comitiva do FC Porto, desta vez a Málaga.

    ResponderEliminar
  7. Percebo que incomode ser de um clube que utiliza meios pouco legítimos para alcançar os seus fins, mas a razão deste post não é apoiar o Porto (até porque o seu autor não nutre qualquer simpatia por esse clube), mas defender o Braga, que foi ilegitimamente atacado. Desafio-vos - particularmente os que escondem o nome atrás do selo "anónimo" - a comentarem o acontecimento que despoletou esta mensagem...

    ResponderEliminar
  8. O braga ganhar por 1-0 ou perder por 6-0 em nada favorece o Benfica, o braga levar 1 amarelo ou 6 amarelos em nada favorece o Benfica, o árbitro anular um golo ou dez golos ao braga em nada favorece o Benfica.
    O único beneficio que o Benfica poderia tirar deste jogo era que resultassem castigos para os jogadores do braga. Mas eu acho que arbitro não tinha como prever uma expulsão do jogador do scb, quem foi tendencioso e teve uma acção propositada para não jogar com o Benfica foi o Vinicius que foi fazer uma falta para vermelho directo quando o jogo já estava mais que ganho, o arbitro só cumpriu a lei (jogador isolado em linha directa para a baliza com grande possibilidade de fazer golo, se sofrer falta o castigo é expulsão).

    PS: Portistas ou não as ideias, as lutas e os métodos são os mesmos, e levaram o braga a ser uma das equipas mais beneficiadas do campeonato. A aliança é clara e os adeptos apoiam, que sejam muito felizes enquanto durar.
    Adeptos braguistas/Benfiquistas são cada vez menos, ainda bem para o SLB.

    ResponderEliminar
  9. Em relação aos meios pouco legítimos, o texto de Ricardo Araújo Pereira resume na perfeição o que foi feito por diversos agentes do futebol, muitos dos quais ainda continuam em atividade.
    Por isso o ideal será conviver com esses meios, não se incomodarem muito e usufruirem do sucesso que daí advém, que acresce às qualidades do presidente, estrutura do futebol e equipa.

    Em relação ao caso concreto, tal como foi dito aqui:
    http://bragamaior.blogspot.pt/2013/01/estrategias-de-desestabilizacao.html#comment-form
    "A vitimização criada em torno de uma expulsão que poderá ser "forçada" não será estratégia? No mesmo jogo não terá sido perdoada outra expulsão? Se o árbitro queria mesmo prejudicar o SCBraga não teve melhores ocasiões? Todo este ruído não será para condicionar o jogo?"

    Quando se fala de condicionamentos e batota... este jogo está condicionado pela ação do presidente do SC Braga e do treinador do FC Porto, que veio a terreiro dar uma ajuda, "preparando terreno" para a atuação do árbitro. Que este ano não será Pedro Proença.
    http://www.youtube.com/watch?v=EtT9xrB_pQM

    Quando uns se sentem roubados, convém ter ciente que todos têm lances para mostrar.
    http://www.youtube.com/watch?v=eqZKbgE9Zgg

    A diferença é que uns terão mais lances do que outros, por isso além da recolha das imagens dos jogos, será útil fazer uma contabilidade da carreira de cada um dos árbitros. Entre muitos outros fatores que influenciam os resultados desportivos.

    Voltando ao concreto, o SC Braga quando jogou com o FC Porto, numa altura que lutava pelo título, não preparou desta forma o jogo, não fez vídeos de motivação , e quando foi prejudicado no jogo que praticamente arredou o SC Braga da luta pelo título, nada se ouviu.

    Já em relação à imparcialidade, e à defesa única e exclusiva do SC Braga aqui no blogue, resta perguntar se é apenas isso que é feito em todas estas mensagens.
    http://bragamaior.blogspot.pt/2012/12/o-futebol-portugues-esta-muito-doente.html

    http://bragamaior.blogspot.pt/2012/11/reuniao-com-o-presidente-dos-arbitros.html#comment-form

    http://bragamaior.blogspot.pt/2012/09/ja-la-vao-140-minutos-jogar-contra-10.html

    http://bragamaior.blogspot.pt/2012/09/a-descredibilizacao-do-futebol-portugues.html

    ...

    Quando logo nas primeiras jornadas do campeonato se contabilizam os minutos do Benfica a jogar contra dez...
    Onde se aprovam comentários deste género:
    "Uma vergonha o que se passou. É por isso que é muito importante manter a cambada do Benfica e do Sporting afastada da nossa Câmara."

    ...

    Finalizando deixo algumas perguntas.

    Não é espantoso que o FC Porto termine a primeira volta do campeonato sem penaltis e vermelhos contra e com 3 penaltis e 3 vermelhos a favor?

    Não é notável que o presidente e treinador do FC Porto tenham por diversas vezes pedido ainda mais penaltis e vermelhos em seu favor?

    Não é ainda mais notável que perante isto, quase nenhum clube ouse afrontar essas evidências e declarações, enquanto muitos se atiram ao do costume, o Benfica?

    Não é notável que o FC Porto tenha violado por duas vezes esta temporada os regulamentos da competição e ninguém ouse intentar para que se cumpram os regulamentos?

    ...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deduz-se então que o Benfica, os seus dirigentes e adeptos roçam a perfeição?
      Mantenho a minha opinião sobre os casos comentados e continuarei a denunciar as tentativas de ganhar recorrendo a factores extra, gostem os benfiquistas ou não... Quanto ao Porto, neste momento, não é tão evidente nos meios que eventualmente utilizará...

      Eliminar