quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Porque não foste para a China?

O maior clube do Minho disputou hoje a segunda partida da fase de grupos da Taça da Liga, ascendendo ao primeiro lugar após vitória sobre a Naval (2-1). O Braga ganhou com golos de Haas e de Custódio, este na conversão de uma grande penalidade, mas não se livrou de um susto e de (mais) uma exibição cinzenta.
Salvou-se o resultado que escancara as portas das meias-finais (falta o jogo com o Beira-Mar), mas não deixa de ser desprestigiante para o clube. Se é para jogar assim, e ser humilhado nas meias-finais, é preferível ficar pela 1.ª fase...
Perante a continuação desta irregularidade exibicional, torna-se difícil entender porque é que Salvador não deixou Peseiro ir para a China, ainda por cima quando o clube chinês oferecia dinheiro pela desvinculação. No lugar do presidente do Braga deixava-o sair livremente e ainda lhe oferecia o Elderson e o Salino como brinde...

Sem comentários:

Enviar um comentário